Pomerode e Vale Europeu


O roteiro Vale Europeu recebeu esse nome por uma conjunção de dois motivos: ele percorre as cidades ao longo ou próximas do vale formado pelo Rio Itajaí, e as cidades englobadas têm fortes traços da colonização europeia (particularmente a alemã e italiana), preservando até hoje os costumes de seus antepassados, seja com a dança, a culinária, a agricultura, as festas e comidas típicas e até mesmo alguns dialetos.

Dentre as principais cidades destacam-se Blumenau, Pomerode, Brusque, Timbó e Indaial. Blumenau é a mais famosa, principalmente por conta da Oktoberfest (maior festa alemã do Brasil). Com povo acolhedor e de cultura germânica, a localidade ainda mantém alguns pontos com arquitetura enxaimel, principalmente na Rua XV de Novembro, transportando o visitante ao passado colonial.

O Parque Vila Germânica é uma mini Alemanha no centro da cidade, com cafés, restaurantes e lojinhas. É lá que acontecem diversos festivais, como a Sommerfest, Magia de Natal e a própria Oktoberfest. Timbó tem opções turísticas para todos os gostos e idades.

O Morro Azul, por exemplo, é o ponto mais alto da cidade (e também a divisa entre os municípios de Timbó e Pomerode). Além da bela vista panorâmica é ideal para os aventureiros que praticam voo livre e que gostam de acampar.

A charmosa Rio dos Cedros, cercada de uma natureza exuberante com montanhas, lagos e cachoeiras, é uma ótima opção para se conhecer a Região dos Lagos e apreciar as belezas das barragens e toda a natureza em sua volta, sentindo uma imensa paz e tranquilidade.

Melhor época:

SET - OUT - NOV - DEZ


Quanto tempo ficar:

Mínimo 4 dias


Vale a pena conhecer:

Teatro Carlos Gomes, Museu da Cerveja, Parque Ecológico Spitzkopf, Parque Ramiro Ruediger, Show das Hortencias, festa Trentina, festa Pomerana, Morro Arapongas, Rota do Eixamel


Destino ideal para:

Famílias


Pomerode com a Maioba é

Vivenciar bem de perto um pouco da cultura alemã, degustando sua deliciosa culinária, conhecendo mais das suas músicas e danças típicas, suas festas tradicionais, além de seus folclores e arquitetura enxaimel, que marca a região. Não deixe de conhecer as praças e museus, entre eles está à Casa do Imigrante, saborear as cucas, doces, o chope artesanal e o famoso marreco recheado. Os costumes e a tradição permanecem com a presença dos grupos folclóricos, que resgatam a cultura e mantém viva as danças típicas dos antepassados.

Desenhe sua viagem de acordo com seu perfil
FALE COM NOSSOS CONSULTORES

11 3021-1582

 

 

RECEBA NOVIDADES DA MAIOBA